Viagem ao Marrocos

Guia do Marrocos

Durante a sua viagem ao Marrocos para participar do curso de francês em Rabat, você terá a grande oportunidade de conhecer este país repleto de cultura e misticismo. Nós organizamos logo abaixo informações necessárias para ajudar você a tornar o seu intercâmbio uma experiência internacional inesquecível.

Requisitos para viajar ao Marrocos

Dependendo da nacionalidade e do tempo de estadia, você poderá ou não precisar de um visto marroquino para participar do curso de francês no Marrocos. Tanto os portugueses quanto os brasileiros não necessitam de visto de turismo para estadear ou estudar até 90 dias. Acima deste período, é necessário a obtenção de um visto marroquino.

Sistema de Saúde de Marrocos

O Setor de Saúde do Marrocos normalmente é bom. Você encontrará grandes hospitais privados muito bem equipados nas principais cidades do país onde há também vários profissionais com formação na Espanha e França. Nas regiões camponesas e distantes dos centros comerciais, a qualidade do serviço poderá ser limitada, por isso é necessário ter algumas prevenções. Apenas recorra ao hospital em caso de urgência ou se possível, retorne ao seu país de origem.

É aconselhável que você contrate um seguro de viagem e de saúde confiável no seu país de origem que cubra assistência médica e translado caso contrário poderá ser bastante custoso.

Não é necessário nenhuma vacina obrigatória para viajar ao Marrocos mas é recomendável a vacina contra a tuberculose.

É necessário bastante atenção na hora de consumir alimentos e bebidas e é aconselhável beber sempre água engarrafada ou bebidas fechadas e lavar bem verduras e frutas. Não é recomendado comprar alimentos em postos ambulantes e no verão evite consumir saladas.

É aconselhável levar comprimidos antidiarréico durante a sua viagem, comprimidos para resfriados e para combater infecções como também repelente anti-mosquitos e protetor solar.

História de Marrocos

O povoamento no Marrocos iniciou em meados do período neolítico e estas terras foram habitadas por diversos povos como bizantinos, visigodos, vândalos, romanos, fenícios e também permanentemente como os bereberes.

O Islamismo foi introduzido no Marrocos no Séc XII e posteriormente começou o desenvolvimento do país, logo se transformou na principal e maior potência da região porém as guerras civis culiminaram no declínio do império.

Portugal, Espanha e Inglaterra competiram e ocuparam várias regiões do norte da África entre os séculos XV e XVI. No entanto, Ceuta e Melila tornaram-se parte do Reino da Espanha que é ocupada até os dias de hoje.

A Dinastia Alaui dominou o país entre os séculos XVI e XX. A Independência dos Estados Unidos foi reconhecida primeiramente pelo Marrocos sendo o tratado de integração mais antigo do país americano.

Os países da União Européia tiveram grandes interesses no Marrocos no Séc XX tornando-se colônia da França e da Espanha que controlaram as finanças, a agricultura e a política exterior indiretamente. 

A independência do Marrocos foi declarada no dia 2 de março de 1956 durante o governo de Mohammed V em que melhorou a educação e o modo de vida do povo marroquino, porém minimizou o poder do povo. Muitas mudanças democráticas foram feitas em 1999 com a ascenção de Mohammed VI ao poder e melhorou consideravelmente os direitos da mulher.

Hoje em dia, a forma de governo do Marrocos é uma Monarquia Constitucional, com um parlamento eleito pelo povo. O Rei de Marrocos possui amplos poderes executivos para dissolver o governo e o Parlamento a qualquer momento como também comandar forças militares entre outros poderes. São permitidos partidos políticos de oposição e muitos concorreram na última eleição.

Informações Gerais sobre o Marrocos:

  • Nome Oficial: Reino de Marrocos
  • Área Territorial: 710.850 Km²
  • Habitantes: 31.600.000 habitantes
  • Capital: Rabat
  • Forma de Governo: Monarquia Constitucional (desde 1956)
  • Idioma Oficial: Árabee bereber
  • Moeda: Dirham
  • Religião: Muçulmana

Clima de Marrocos

A diversidade climática no Marrocos é bastante nítida e a depender da região a variação de humidade relativa do ar é grande. O clima quente e mediterâneo é encontrado na costa litorânea enquanto no interior do país o clima é continental e seco. O clima quente e seco é encontrado no sul do país quase todo o ano onde há noites bem frescas nos meses de dezembo e janeiro.

De novembro a março é a época de chuva e no verão as temperaturas são geralmente bastante altas. Porém em Marrakech e Agadir, a média temperatura no inverno dica em torno de 21º.

Moeda

O Dirham é a moeda oficial do país e somente pode ser obtida no Marrocos. A troca de moeda estrangeira em ruas e avenidas é uma prática ilegal no país, por isso é recomendável que você troque a sua moeda pela Dirham somente em casas de câmbios oficiais ou em bancos.