Guia da Espanha

Informações da Espanha

Oferecemos a você todas as informações sobre a Espanha para você planejar as suas férias, aprendendo espanhol e conhecendo a cultura, a gastronomia e o caráter típico espanhol. Conheça todas as informações sobre a Espanha, os procedimentos para entrar no país, o estilo de vida dos espanhóis (para poder entender um pouco melhor a sua cultura) e as características típicas do país.

Se prepare para conhecer as cidades de Barcelona, Madrid ou Málaga.

Informações Gerais sobre a Espanha

  • Área Territorial: 504.782 km ²
  • Forma de Governo: Monarquia Parlamentarista
  • Capital: Madrid
  • População: 46.662.000 habitantes
  • Idioma: O espanhol é o idioma oficial, juntamente com o aranês, galego, basco e catalão - idiomas oficiais em diferentes comunidades autônomas.
  • Religião: A Espanha é um estado laico, mas 80% da população se considera católica.
  • Divisão Política: 17 Comunidades autônomas e 2 cidades independentes.
  • Moeda: Euro
  • Custo de vida: A comida é mais econômica do que em outros países europeus, como França ou Alemanha. O aluguel dependerá da cidade onde se encontra, mas normalmente em Barcelona e Madrid é notavelmente mais caro do que em Maiorca e Málaga.
  • Gorjeta: normalmente se dá entre 5% e 15% nos restaurantes, ou em qualquer outro tipo de serviço (táxis, hotéis, bares, etc), onde você se sentir satisfeito com o atendimento.

Estilo de Vida na Espanha

A Espanha, é sem dúvida, um dos países mais fascinantes do mundo. Seu estilo de vida mediterrânico é alegre, espontâneo e cheio de vitalidade. O povo espanhol é extrovertido e amigável, e os encontros entre amigos e vizinhos formam parte do dia-a-dia. O comércio geralmente fecha das 14:00 horas às 17:00 horas e embora isso seja algo cultural para aproveitar a famosa "siesta española", não é algo que todos seguem como regra.

A vida na Espanha flui conforme o seu próprio ritmo. Depois do pôr-do-sol, as ruas ficam cheias de gente tomando cañas (bebida alcóolica fermentada) nos terraços e bares, passeando pelas ruas ou frequentando os espetáculos culturais. As comidas são encontradas facilmente e o horário de funcionamento é, por vezes, tardio: as cozinhas de muitos restaurantes abrem entre as 14:00 e as 17:00, e depois das 20:00 horas até a meia-noite. As festas também começam mais tarde do que no resto da Europa, terminando de manhã com um chocolate com churros como café da manhã.

Reserve o seu curso de espanhol na Espanha e venha conhecer o autêntico estilo de vida espanhol.

Sistema de Saúde da Espanha

A Espanha possui Segurança Social e um bom sistema de saúde, que conta com especialistas de primeira. Para todos os europeus a assistência médica é gratuita, mas deverá ter o Cartão de Saúde Europeu (European Health Insurance Card), que cobrirá você durante as estadias não permanentes (máximo de um ano de duração). Por isso, nós recomendamos a você contratar um seguro de viagem privado, pois nem todos os tratamentos médicos são cobertos pelo Cartão de Saúde Europeu.

Se você não é cidadão de um país da União Européia (Islândia, Noruega e Suíça também incluídos), você precisará de um seguro médico privado que cobrirá você durante toda a sua estadia.

História da Espanha

Devido à situação estratégica da Espanha, passaram vários povos por suas terras: de celtas, iberos e romanos a fenícios e árabes, todos reivindicando o poder sobre a Penísula Ibérica.

Os restos mais antigos encontrados na Espanha datam de 780.000 anos atrás, mas não somente da presença dos iberos se tem notícia. Depois deles chegaram os celtiberos, fenícios e cartagineses. Depois da derrota de Cartago, Roma dominou a penísula, chamada de Hispania durante 200 anos, deixando aspectos visíveis de sua presença até os dias de hoje.

Em 409, os suevos, alanos e vândalos invadiram a penísula, até a chegada dos visigodos, originando pela primeira vez a união de todo o território. Em 711, começou a invasão árabe, que dominou quase toda a penísula. Próximo aos Pirineus surgiram vários reinos cristãos que iniciaram a Reconquista, liderados pelos Reinos de Aragão e Navarra.

A expulsão total dos árabes do território chegou com a união dos Reinos de Castela e Aragão através dos reis Católicos. Logo depois teve lugar o descobrimento da América por Cristovão Colombo, em 1492, e a monarquia espanhola se transformou na maior potência da época.

Após vários séculos e diversas monarquias e lutas pelo poder, o século XVIII se caracterizou pelo aumento do poderio do Império Britânico e Francês dentro da política internacional. Em 1808, Napoleão Bonaparte, invadiu a Espanha e introduziu as suas tropas na península com o intuito de conquistar Portugal. A Guerra da Independência Espanhola durou cinco anos e representou um grande passo para a Constituição de 1812.

Após a volta ao poder da monarquia, a Constituição foi outorgada e Espanha perdeu a maioria das colônias no exterior. A Revolução de 1868, A Gloriosa, conseguiu abolir o absolutismo e foi proclamada, posteriormente, a I República. Com a Restauração, o absolutismo retornou e foram perdidas as últimas colônias.

Durante a I Guerra Mundial, a Espanha se declarou neutra mas sofreu anos de instabilidade económica e política, passando por um período de ditadura militar e a proclamação da II República, em 14 de abril de 1931. Durante este período, houve muita instabilidade mas também grandes avanços sociais, como o reconhecimento do sufrágio universal. Os rebeldes que iniciaram a Guerra Civil Espanhola, com o apoio do General Franco, obteve uma grande vitória com o apoio de Hitler e Mussolini. Durante a ditadura de Franco, os derrotados sofreram uma forte repressão e a Espanha permaneceu isolada da política externa. Em 1969, Franco designa Juan Carlos de Borbón como o seu sucessor e, após a sua morte em 1975, foi declarada, em 1978, uma monarquia.

Culinária Espanhola

A culinária espanhola é motivo suficiente para você permanecer na Espanha por um bom tempo e conhecer o país. Onde você for, encontrará uma grande variedade de pratos típicos da região. Os pratos principais contêm carne ou peixes, sopas e muitas sobremesas deliciosas. Os pratos são muito variados e há desde as paellas mediterrânicas saudáveis a fortes guisados do norte.

A cultura do vinho também tem um importante influência na Espanha. Entre outras denominações de origens conhecidas, encontram-se na Espanha o La Rioja, o Ribera del Duero, ou o Penedés.